GANHE 5% DE DESCONTO

CATÁLOGO DE PREÇOS ATACADO

Eletrocardiograma à distância no RS

Nova Central de Telecardiologia fará diagnósticos à distância

A transmissão à distância de eletrocardiogramas e orientação terapêutica especializada em casos graves ganha uma nova estrutura a partir desta quinta-feira, 30. Será inaugurado, pelo Governo do Estado, uma nova sede do Centro de Telessaúde, no Instituto de Cardiologia do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre.

Com recursos repassados pelo Governo Estadual, no valor de R$ 752 mil, a central vai atender, à distância, pacientes com infarto agudo e outras emergências cardiovasculares em localidades de difícil acesso e que não dispõem de serviços de urgência no setor.

O projeto foi lançado em 2009 e o treinamento será realizado, inicialmente, em 30 municípios. Com o novo centro, a perspectiva é ampliar a rede para até 70 cidades até o final de 2010.

Procedimento

Depois de atendido e medicado, no momento de grande risco, o paciente, se necessário, será encaminhado para tratamento em um centro maior. Assim, o Estado diminuirá a mortalidade e as complicações futuras de inúmeras enfermidades. Doenças cardiovasculares são responsáveis por mais de 30% da mortalidade total de gaúchos, e o atendimento ao paciente, principalmente nas primeiras horas, é considerado fundamental.

O coordenador do Centro de Telecardiologia, o médico Adolfo Sparenberg, destaca que a unidade contará agora com uma equipe própria. Até então, especialistas do Instituto de Cardiologia dividiam o seu trabalho na entidade para prestar atendimento às demandas encaminhadas pelo projeto. "Teremos uma central 24 horas, sete dias por semana, exclusiva para atender os casos de urgência e dar uma segunda opinião médica", afirma Sparenberg.

Texto: Vanessa Kannenberg do Portal Gaz


Você sabia? O Blog da Pithan Pilchas é atualizado todos os dias, por isso recomendo que siga nosso TWITTER (@pithanpilchas), RSS FEED, FACEBOOK ou cadastre seu endereço de e-mail para receber nossas atualizações por e-mail. 

Um abraço e muito obrigado por visitar o blog.

Comentários

  1. Meu caro amigo Paulo, boa noite!!!
    Que boa notícia!!!
    Tudo que for em beneficio da saúde é bem vindo, principalmente porque vai atender os casos em lugares de difícil acesso. A tecnologia vai avançando em todas as áreas e a área da saúde não poderia ficar de fora.
    Parabéns pela excelente postagem!!!
    Grande abraço e muita paz!!!

    ResponderExcluir
  2. Olá Paulo querido!
    Que bom ainda poder ler notícias úteis como essa! Deveria ser um grande exemplo para todo o Brasil! Os recursos destinados à saúde dariam para fazer muito mais do que vemos por aí. Fico feliz em saber que ao menos, em algum lugar, saúde é levado à sério!
    Grande beijo,
    Jackie

    ResponderExcluir
  3. Bem, acho interessante, mas como funciona isso mesmo, la no local distante é necessário ter internet?

    ResponderExcluir
  4. Olá Edu,

    Olá,

    tecnologia tem avanços deste tipo, talvez o que falte é vontade e dinheiro para investir.

    Abr.

    Paulo

    ResponderExcluir
  5. Olá Jackie,

    aos poucos as coisas acontecem, mas deveriam ser mais aceleradas.

    Bju

    Paulo

    ResponderExcluir
  6. Olá Joselito,

    esta é a pequena falha do programa, pois necessita de internet. Por outro lado, temos internet via rádio e outras tantas que podem auxiliar.

    Obrigado pela participação.

    Abr.

    Paulo

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas

Total de visualizações de página