Evento prega ética no tradicionalismo

SANTA CRUZ > ENCONTRO REGIONAL DE PATRÕES DA 5ª RT TAMBÉM DEFINIU CALENDÁRIO DE RODEIOS PARA PRÓXIMA TEMPORADA

O tradicionalismo esteve em evidência neste domingo no CTG Rincão da Alegria, em Santa Cruz do Sul, onde a 5ª Região Tradicionalista promoveu seu encontro regional de patrões. Conforme o presidente Luiz Clóvis Vieira, eventos nestes moldes são realizados a cada dois meses em entidades diferentes nos 16 municípios de abrangência da RT. Ontem, cerca de 50 representações marcaram presença e acompanharam a pauta de atividades. 

Uma das liberações foi a orientação artística às entidades tradicionalistas, já em preparação para o Enart 2010. Segundo Vieira, quem foi classificado para a inter-regional tem um regulamento a cumprir. As provas desta etapa acontecem em Venâncio Aires, na 24ª Região Tradicionalista, nos dias 21 e 22 de agosto. De lá, saem os finalistas para a final do Enart em novembro, em Santa Cruz do Sul. 

Outro propósito do encontro foi a regulamentação e definição do calendário dos rodeios para a temporada 2010/2011. O momento marca a oportunidade de os CTGs defenderem suas datas de provas, muitas já tradicionais – como o rodeio da ATS em setembro e o rodeio regional em novembro, onde são selecionados os laçadores para a Festa Campeira do Estado do Rio Grande do Sul (Fecars). “Para confirmar seus eventos, as entidades devem participar do encontro e estar em dia com as normas do Movimento Tradicionalista Gaúcho.” 

O presidente da 5ª RT destaca que a exigência de presença no encontro de patrões é uma tentativa de coibir que entidades não filiadas façam rodeios clandestinos. Segundo explica, também é uma forma de induzir a legalização de quem ainda está fora do MTG. “Nossa preocupação é não deturpar o tradicionalismo”, comenta. Atualmente, o Movimento Tradicionalista Gaúcho é considerado pelo Guinness Book como o movimento mais organizado do mundo. De acordo com Vieira, além de valorizar a tradição, também há uma grande preocupação com a parte social, principalmente na luta contra as drogas e na valorização da união familiar. 

PALESTRA 

A programação do encontro ainda contemplou a palestra sobre Procedimentos Éticos no Tradicionalismo, com o presidente do Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore (IGTF), Manoelito Carlos Savaris. Na oportunidade, ele abordou o que é a ética como conceito, que se difere de direito e moral. Também abordou qual o comportamento ético esperado do tradicionalista, que é voluntário e adotou o CTG por opção. Manoelito ainda apresentou a nova TV Tradição, que está a quase 15 dias no ar em canal fechado, com programação informativa e formativa. 

Durante o evento, uma equipe da Assembleia Legislativa realizou uma pesquisa entre os presentes para auxiliar no levantamento do potencial econômico do tradicionalismo no Rio Grande do Sul. A iniciativa vem sendo adotada desde 2008 pelo MTG e IGTF e este ano ganhou o apoio da Câmara dos Deputados. Conforme o assessor Beto Coelho, os dados são coletados em todo o território gaúcho e a expectativa é de que tudo seja processado até o final de 2010. 

Fonte: Gazeta do Sul

Comentários

CATÁLOGO DE PREÇOS ATACADO

Postagens mais visitadas

Total de visualizações de página